Curso: Meliponicultura como hobby.

A criação de abelhas nativas sem ferrão como atividade de prazer e relaxamento nos tempos livres. Conheça a história das abelhas nativas e o comportamento dos enxames no ninho, fazendo a observação de nove espécies em caixa racionais com visores em um espaço planejado para facilitar essa experiência. Esse curso é realizado desde 2016 nesse formato, ajudando pessoas com os mais diversos perfis a iniciar na meliponicultura.


Acima um enxame da espécie Mirim Preguiça em caixa didática com visores.

Além disso, o curso proporciona a experiência de acompanhar a transferência ao vivo de um enxame para caixa racional, extração de própolis e mel. Você também fará a degustação exclusiva dos produtos extraídos. O curso é formatado com explanações teóricas e esclarecimento de dúvidas, pausa para café da tarde e demonstrações práticas nas instalações do Meliponário num formato parecido com workshop.


Demonstração de um enxame de Jataí capturado em isca.


Transferência de um enxame de Jataí capturado em isca para caixa racional.

O curso a prática de Meliponicultura como hobby pode ser feito por qualquer adulto, em qualquer idade, não exige pré-requisito ou proteção. A atividade inclusive contribui para preservar e ampliar os recursos naturais ao seu redor. Você pode manejar as abelhas nativas no campo ou na cidade e fixar as caixas para manejo próximo da circulação de pessoas e animais, como vai perceber durante o curso.

Venha passar uma tarde com as abelhas nativas sem ferrão!


O Meliponário possuí uma área externa com as caixas de abelhas em postes e uma área interna coberta com os enxames em prateleiras onde são recepcionados os participantes.

O curso é divido em dois eixos básicos, detalhados abaixo.

1) Parte teórica.

  • História e particularidades do Meliponário;
  • A importância das abelhas;
  • Comportamento das abelhas;
  • Dicas de manejo racional;
  • Como capturar enxames por meio de iscas;
  • Pasto apícola.
f_tpj

Material didático incluso para acompanhar as principais informações no curso e referência para consultas futuras.

 2) Parte prática.

  • Transferência de enxame de Jataí capturado em isca para caixa racional;
  • Degustação de extrato de própolis;
  • Degustação de mel extraido ao vivo diretamente dos enxames;
  • Apresentação das espécies de abelhas do Meliponário;
  • Simulação de divisão de colmeia com caixa INPA;
  • Apresentação dos modelos de caixas: WF, INPA, Didática, Horizontal (baú),  Lassala e Moreira.

Assista o Clipe de apresentação do curso.


Anfitrião

Gustavo Lassala fundou o Meliponário Tapajós em 2013. A criação de abelhas nativas como hobby converteu-se em preocupação ambiental e motivo de muita dedicação, estudo e ativismo em prol desses insetos. Idealizou a Lei que trata da proteção das abelhas nativas no município de Vinhedo (SP), promulgada em 2017 e o livro infantil “O Elo invisível”, que apresenta às crianças a importância desses seres em nosso ecossistema. Em 2018, recebeu o Prêmio Destaque Ambiental pela Secretária do Meio Ambiente de Vinhedo pelo trabalho desenvolvido com as Abelhas Nativas na cidade. Gustavo é associado a AMESAMPA – Associação de Meliponicultores do Estado de São Paulo.


A data para o próximo evento é 08/12/2018, das 14h às 18h, em um local de fácil acesso, em Vinhedo-SP, no Meliponário Tapajós, com custo de R$150.

As vagas são limitadas!


Depoimentos espontâneos recebidos por e-mail.

“Gostaria de agradecer a excelente introdução à meliponicultura através do curso que você nos ministrou ontem, foi realmente muito prático e informativo”.
Silvio Romero / Jundiaí-SP

“Gostei bastante do curso, deu para aprender, esclarecer dúvidas e ver na pŕatica as abelhas, foi bem legal!!”
Eduardo Padovani / Piracicaba-SP

“Gostaria de agradeçer pelo ótimo curso. Foi bem legal ter esse primeiro contato com as Abelhas Sem Ferrão”.
Bruno Carettoni / São Paulo -SP

“Gostei tanto do curso, que hoje já tenho 5 espécies”.
Juarez Padovan / Jaú -SP

“Obrigado pela generosidade em nos receber em seu meliponário, pelo delicioso mel ofertado e por todas as dicas. Foi uma tarde deliciosa que passou voando”.
Marcelo Cunha / São Paulo – SP

“Agradeço a você pela recepção a mim e ao meu filho, pelo conhecimento demonstrado e dedicação as abelhas sem ferrão.”
Marcelo Bonfá / Campinas – SP


OBS. Não dispomos de espaço para acompanhantes.

 

POLÍTICA DE CANCELAMENTO

 

1 – Cancelamento ou mudança de data por parte do curso:
– Se houver necessidade de cancelamento ou alteração de data por parte da organização do curso, aluno pode requerer 100% do valor da matrícula de volta ou usar de crédito para um mesmo curso numa data posterior.
2 – Desistência por parte do aluno:
– Caso o inscrito desista do curso em até 7 dias antes do curso a devolução da inscrição será integral ou poderá usar o crédito para o mesmo curso numa data posterior. Posterior a este período, e/ou na ausência do aluno sem comunicação prévia, não haverá a devolução dos valores pagos.

 

Educação Ambiental com Abelhas Nativas Sem Ferrão para crianças

Uma das frentes de trabalho do Meliponário são ações de educação ambiental por meio das Abelhas Nativas Sem Ferrão. O livro infantil “O Elo invisível” de autoria dos fundadores do Meliponário Tapajós é uma prova viva desse interesse.

Somos um casal de professores e essas ações são uma extensão natural do nosso trabalho cotidiano. Basicamente são eventos que podem ser formatados de acorda com a demanda, mas em geral oferecemos as seguintes atividades:
– Demonstração de enxames de Abelhas Nativas Sem Ferrão em caixa com visores;
–  Material didático demonstrativo para entender o funcionamento do enxame, produção de insumos e sua sociabilidade;
– Produtos para degustação como mel, polén e própolis;
– Contação de história do livro “O Elo Invisível”;
– Explicamos sobre o manejo das abelhas;
– Explicamos como ocorre a polinização e forrageamento, ou seja, como elas recolhem polén, água, resinas e barro do ambiente;
– Apresentação de plantas melíferas;
– Abordamos questões ecológicas pertinentes ao assunto;
– Atendimento de dúvidas dos professores e alunos.

Alguns cases

Colégio Objetivo

Em abril de 2018 participamos de uma feira de livros no colégio Objetivo de Valinhos-SP, apresentando as abelhas, insumos, plantas e falamos um pouco sobre o nosso livro para as crianças.



Imagem da ação realizada no Colégio Objetivo em Valinhos

É muito interessante perceber como as abelhas chamam a atenção e como as crianças e adultos são desinformados sobre nossas abelhas nativas: não conhecem a variedade de espécies, não sabem que o mel é diferente, que elas efetivamente não oferecem perigo pois não ferroam e também como se dá o processo de polinização e produção de insumos, o que toca numa questão pragmática, o conhecimento das espécies de plantas que ajudam as abelhas e a vida em geral.


Acima duas imagens do mesmo evento mostrando o interesse das crianças por esses insetos sociais.

 

Escola Bosque das Letras

Em 2017 fizemos uma ação educacional na escola de ensino fundamental Bosque das Letras em Jandira-SP. Ação incluiu apresentação das abelhas, a importância das abelhas na preservação ambiental, degustação de Mel e contação de histórias.


Apresentação de enxame de abelhas nativa sem ferrão em caixa didática dentro da sala de aula.


Contação de história


Acima a expectativa da criança para degustar mel direto do enxame na escola Bosque das Letras

 

Parque Taquaral em Campinas

Em 2018 participamos da Semana do Meio Ambiente de Campinas (Semeia 2018) organizado pela prefeitura de Campinas. Ficamos com um espaço no Parque Taquaral com o objetivo de apresentar as Abelhas Nativas Sem Ferrão para as pessoas no local. A ação teve apoio do departamento municipal de proteção e bem-estar animal.


Acima, no Parque Taquaral, em junho de 2018, explicando sobre a diferença entre as abelhas exóticas e as nativas enquanto a criança observa com o lupa um enxame de abelha Mirim em caixa didática.

 

Colégio Sant’Anna

Em 2018 fizemos uma ação educacional Colégio Sant’Anna em Vinhedo-SP. Ação incluiu uma palestra introdutória, apresentação das abelhas em caixas expositoras, debate sobre a importância das abelhas na preservação ambiental, degustação de Mel, polén e contação de histórias.


Acima, uma das turmas de alunos após a exposição.


Contação de história.


Apresentação da espécie Mirim Preguiça em caixa expositora com visor dos 4 lados.


Apresentação da espécie Jataí em caixa expositora.


Degustação de mel.

Caso tenha interesse em realizar uma ação educacional na sua escola ou comunidade entre em contato conosco, por e-mail: info arroba meliponario ponto com ou pelo formulário na página de contato.